Ir direto para o conteudo
Recursos de Acessibilidade
Imagem de Parque

Iniciativa de Inovação Digital em Saúde Global

Ao longo de sua história, o Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD) tem apoiado fortemente a criação de soluções inovadoras para diversos setores da sociedade. Um deles é o de Saúde. Em 2015, o parque tecnológico trabalhou na epidemia de Zika, em parceria com o Ministério Público Federal (MPF) e outros atores do ecossistema de CT&I de Pernambuco, criando o esboço de uma estratégia para crises sanitárias, fundada no modelo de colaboração intersetorial da tríplice hélice e nos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), do Sistema Nacional de Vigilância em Saúde, do Regulamento Sanitário Internacional e das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Aproveitando essa experiência, em março de 2020, o Porto Digital iniciou, com o Ministério Público Federal, por meio do Gabinete Integrado de Acompanhamento da Pandemia da Covid-19 (Giac) do Gabinete do Procurador-Geral da República, e o Conselho Nacional do Ministério Público, a articulação de uma estratégia sistêmica, intersetorial e colaborativa em ciência, tecnologia e inovação para auxiliar no enfrentamento da pandemia, ao lado de projetos com o Ministério Público de Pernambuco e a Secretaria de Saúde do Estado para fomento de soluções para essa crise sanitária.

Posteriormente, em maio de 2020, o NGPD, prestigiando os conceitos da estratégia intersetorial, firmou parceria com a Prefeitura do Recife para a criação e manutenção do Dados e Análises para Operações e Decisões – D.A.D.O, sistema baseado em data science que apoiou as decisões da gestão municipal no plano de isolamento e retomada das atividades na pandemia da Covid-19.

Em junho de 2020, a articulação do NGPD, MPF/PGR e CNMP transmudou-se em acordo de cooperação técnica para fomentar, a partir de Pernambuco, a cooperação nacional em CT&I para enfrentamento da pandemia, com a formação de uma rede intersetorial, que conta com a adesão inicial de órgãos do setor público e setor científico-tecnológico, em especial: Estado de Pernambuco, Prefeitura do Recife, UFPE, UFRPE, UNIVASF, UPE, UNICAP, UNINASSAU, IAM-FIOCRUZ, FUNDAJ e CESAR.

Com relevante apoio de três benfeitores – Uninassau, Instituto Justiça e Instituto Conceição Moura, o NGPD instalou o centro operacional da cooperação técnica, o que viabilizou a sistematização do conhecimento temático e a construção de iniciativas e propostas, permitindo ao Porto Digital iniciar o ano de 2021 desenvolvendo projetos com o Ministério da Saúde e a Organização Pan-Americana da Saúde para inovação digital em emergências em saúde pública.

Nesse trilho, a experiência acumulada em saúde do Porto Digital e a colaboração intersetorial vivenciada durante a pandemia criaram a base para o lançamento, neste 1° de setembro 2021, da Iniciativa em Inovação Digital para Saúde Global do Porto Digital, orientada por 12 (doze) perspectivas e 6 (seis) princípios, que resumem a necessidade e os ganhos que a inovação e a transformação digital podem trazer para o setor de saúde.

Nesta nova fase, a Iniciativa propiciará a evolução do centro operacional em Centro para Inovação Digital em Saúde Global – CEIS. As 12 (doze) perspectivas e os 6 (seis) princípios definem as rotas que o NGPD, na dimensão local, nacional e internacional, navegará para apoiar a transformação digital em saúde nos próximos anos, por meio da implementação de diversos programas de inovação, relacionados à criação de novos empreendimentos e negócios, pesquisa científica, desenvolvimento tecnológico, formação empreendedora, incubação, aceleração, geração de tecnologias avançadas, criação e difusão de conhecimento tecnológico, entre outros.

O Porto Digital, celebrando a importância da colaboração intersetorial, renova o convite aos diversos segmentos da sociedade a cooperarem com a inovação digital em saúde global, pandemias e emergências sanitárias, o que ajudará o país, ao longo desta década, a lidar melhor com os desafios cotidianos da saúde e com as crises sanitárias recorrentes.

Clique aqui e confira o documento com a descrição, as doze perspectivas e os seis princípios da Iniciativa Digital em Saúde Global do Porto Digital.


Compartilhe por Email Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no LinkedIn